Pular para o conteúdo principal

O YouTube está desacelerando


O Google tem um problema no YouTube, segundo a CFO Ruth Porat.

Depois de reportarem que a receita publicitária cresceu 15% em 2019 contra os 24% de um ano atrás, a empresa-mãe do Google, a Alphabet, viu suas ações caírem mais de 8%.

De acordo com Ruth Porat, o YouTube foi um dos culpados, pois "embora os cliques do YouTube continuem a crescer a um ritmo substancial no primeiro trimestre de 2019, a taxa de crescimento do clique do YouTube desacelerou em comparação com o primeiro trimestre do ano passado, refletindo as mudanças que fizemos no início de 2018, que acreditamos serem aditivas ao usuário e experiência do anunciante", disse Ruth Porat.

Ruth Porat não explicou precisamente quais as mudanças no YouTube levaram ao fraco crescimento da receita publicitária, e o Google não está dizendo nada além do que já havia declarado sobre esse assunto.

Mas se voltarmos um ano atrás nós perceberemos facilmente o que aconteceu. No primeiro trimestre de 2018, o Google começou a fazer alterações nos algoritmos do YouTube criados para impedir que o conteúdo prejudicial fosse exibido no feed de vídeos recomendados que você vê na lateral de uma página de vídeo. O objetivo era tornar mais difícil encontrar vídeos cheios de teorias da conspiração, notícias falsas e todos os outros detritos que ocasionalmente motivaram os anunciantes a sair da plataforma. Em vez de o YouTube direcionar você para uma teoria da conspiração sobre o último tiroteio na escola, você recebeu vídeos relacionados de fontes de notícias "sérias" que a empresa considerou dignas de fornecer informações, digamos, “precisas”. Além disso, o YouTube removeu milhões de canais e vídeos que violaram as políticas de conteúdo prejudiciais a empresa, principalmente o senhor Alex Jones.

Mas todos esses vídeos considerados lixos pela empresa também mantinham o alto nível de engajamento. Eles mantinham os usuários do YouTube sintonizados em seus feeds além dos vídeos que assistiram, mesmo que a empresa dissesse que eles representam menos de 1% de todos os vídeos no site. O YouTube era literalmente incentivado a manter seus algoritmos bombeando lixo para o topo dos feeds das pessoas, para que as pessoas continuassem assistindo e os dólares dos anúncios continuassem fluindo.

Um relatório devastador da Bloomberg no início deste mês de maio mostrou que, durante anos, os executivos do YouTube ignoraram os avisos de seus próprios funcionários de que a desinformação e a maldade no site haviam saído do controle. Durante muito tempo, eles escolheram o dinheiro para administrar o caos.

Hoje, o YouTube diz que é sério limpar os problemas que atormentam a sua plataforma há anos. Mas essa limpeza parece ter vindo do custo de curto prazo do crescimento da receita publicitária.

Embora seja possível que Ruth Porat estivesse se referindo a outros tipos de mudanças, ou se engajado em alguma divulgação seletiva para guiar os investidores para longe de outras razões para a desaceleração do crescimento, os investidores puniram a empresa vaporizando mais de US $ 70 bilhões de seu valor de mercado.

Mas se o YouTube conseguir resolver seus problemas de conteúdo e continuar crescendo além de seus quase 2 bilhões de usuários, ele poderá se beneficiar a longo prazo. O novo sistema ainda está longe de ser perfeito, como Kevin Roose, do The New York Times, disse em entrevista ao diretor de produtos do YouTube, Neal Mohan. Ainda é possível cair num buraco cheio de vídeos horríveis no YouTube. Mas, com base nos comentários de Ruth Porat, as mudanças foram eficazes o suficiente para prejudicar o engajamento do YouTube. Ainda assim, os analistas não pareciam preocupados com as perspectivas de longo prazo do YouTube, e alertaram que há outros fatores envolvidos na desaceleração do crescimento dos anúncios.

"O YouTube aumentou seu foco em responsabilidade e segurança, e ajustou seu algoritmo no primeiro trimestre de 2019 para reduzir as recomendações de conteúdo que chegam perto de violar as diretrizes ou conduza a más informações que sejam prejudiciais", escreveram os analistas do JP Morgan em uma nota. Eles acrescentaram que "não achamos que haja uma única resposta clara para a desaceleração do Google, mas vários fatores estão em ação".

Com bilhões em valor de mercado e analistas já desclassificando as ações da Alphabet, a maior questão em torno do YouTube hoje é se ele continuará fazendo melhorias para conter a disseminação de conteúdo “tóxico” ou ficar chocado com a inação em benefício de seus acionistas.

Fonte: Yahoo Notícias

As sete postagens mais vistas

Drive LifeCam VX-1000 para Windows 10 - 32 e 64 bits

Com a primeira atualização do Windows 10 muitos problemas surgiram, um deles anunciado pela própria Microsoft foi o fim do suporte a LifeCam VX-100, uma Web Cam simples, mas que ainda poderia ser usada. Ainda bem que alguém habilidoso em programação apresentou uma solução para esse problema.
Baixe o drive no Site Mega clicando na Logo abaixo.

Instalação
É só você baixar e descompactar. Vai ter duas pastas: Uma de 64 e a outra 86, vai depender qual é a versão do seu sistema. Então você vai no seu Painel de Controle e em Gerenciador de Dispositivo. Se a webcam estiver plugada, deverá ter um ícone de uma interrogação escrito, "Outros dispositivos" e mais um com um triângulo amarelo escrito "USB câmera". Clique duas vezes no USB câmera para abrir e vá na aba driver e escolha Atualizar Driver. Agora mande procurar software de driver no computador e aponte para a pasta que você descompactou. O driver será instalado normalmente.

Instalando Racalbox e o Kodi no Raspberry Pi 3 - Parte 1

Material necessário
- Micro cartão SD de 16 GB classe 10 ultra, (ideal 32 GB). - Adaptador micro SD para USB. - Arquivo zipado RecalBox. - Programa de instalação de imagens Win32 Disk Imager (para futuras instalações). - Programa AOMEI Partition ou EaseUS Partition, também para futuras instalações.
Link direto:RecalBox
Link direto:Win32 Disk Imager
Link da página:Plugin.video.BrazucaPlay
Link direto:AOMEI Partition
Link direto:EaseUS Partition

Páginas
- Loukos por Android (Brazuca) - RecalBoxWin32 Disk ImagerAOMEI PartitionEaseUS Partition

Emulador Stella para Atari 2600

Para baixar o emulador e as imagens (thumbnail) dos jogos, é só clicar na imagem abaixo e escolher a sua versão do Windows, Mac-OS ou Linux.

Para baixar as Roms que eu estou disponibilizando é só clicar no link abaixo e seguir as orientações do vídeo acima.

Teste a memória do seu PC com o MemTest86

Como foi dito no vídeo anterior é necessário testarmos a memória que compramos, e para isso usaremos o programa gratuito chamado MemTest86 em um pen driver USB, veja o vídeo.

Para o download direto do Site clique na imagem abaixo.

Microfone Condensador Sf-920 Estudio

Segundo alguns vídeos que eu encontrei no YouTube, esse microfone tem mais sensibilidade de captação que o SF-666 que eu adquiri n semana passada. Agora é esperar chegar para ver.
Clique na imagem para ver os detalhes ampliados.
Link do vendedor no Mercado Livre aqui!

Apoie o Canal Meio Retrô

Doações através do PayPal ou depósito em conta
PayPal é uma plataforma muito conhecida de todos internacionalmente, mesmo que você esteja morando em outro país, é só clicar no botão Doar.



Caixa Econômica Federal Agência: 0203 Operação: 013 Conta: 00085231-2
Em nome de: André Menezes dos Santos
Eu agradeço pela sua doação.  Deus te abençoe!

Conheça o novo Lightworks 14 editor de vídeo

Com uma interface nova o Lightworks 14 está muito mais amigável que antes. Apesar algumas limitações na versão free eu tenho certeza que você, com um pouco de paciência, vai fazer muitos vídeo com esse editor. Ele tem suporte a tecnologia CUDA. Infelizmente a versão paga ainda é para poucos. Lembrando que ele foi criado tanto para Linux como para Windows.

Pagina do programa: https://www.lwks.com/