Sábado consagrado a Maria?

Mais uma vez eu estava pesquisando pela Net quando me deparei com um vídeo católico que dizia: "Hoje é sábado, dia consagrado a Maria." Levei um "susto" e fui pesquisar que negócio era esse e achei o seguinte texto:

Sábado, dia dedicado a Nossa Senhora

"Que em cada um de vós haja a alma de Maria para bendizer o Senhor; e em cada um de vós esteja o seu espírito, para exultar em Deus!"
(Santo Ambrósio)

A Igreja dedica o Sábado a Nossa Senhora porque foi no 1° Sábado Santo que ela viveu sem Jesus, com Jesus morto. 

Após o escurecer de Sexta-Feira Santa, quando a enorme pedra fechou a boca da sepultura, Maria passou a ficar sem Jesus, sem o amado Filho. Naquele momento, para ela o tempo parou. Foi o Sábado do grande e doloroso repouso, o Sábado do grande silêncio, o Sábado da grande solidão, da morte e do luto. Foi o único dia de sua preciosa vida, que ela viveu sem ter Jesus vivo. Foi o Sábado da imensa dor de Maria.

Para consolá-la por tamanha dor a Igreja decidiu dedicar-lhe todos os sábados, com a intenção de confortá-la e compensá-la pela morte do amado Filho. Os outros filhos adotivos se apresentam para consolá-la. Portanto, o Sábado é consagrado a Maria para alegrá-la em sua solidão e tristeza. O Sábado mariano é como aurora: ele antecede e anuncia o aparecimento do Domingo, o dia do Sol Divino, Jesus.

Fonte: Pe. Antonio Lorenzatto, Livro da Família 1997.


Os adventistas dizem que nós cristãos evangélicos "guardamos" o domingo. Alguns mais extremistas dizem que nós "adoramos" o domingo. Segundo eles, a ICAR (Igreja Católica Romana) teria um tal "decreto dominical" que obrigaria a "todos" guardarem o domingo(entenda-se esse todos como sendo apenas sabatistas, guardadores do sábado), pois, como dissemos, para eles nós cristãos evangélicos já guardamos o domingo, então, o tal "decreto dominical" seria para obrigar os sabatistas a negarem o sábado e guardarem o domingo.

Seguindo essa linha de raciocínio, o tal "decreto dominical" que geraria a GT (Grande Tribulação), viria exclusivamente para todos os que guardam o sábado.

Agora raciocine comigo: Se a ICAR tem todo esse poder nos últimos dias como defendem os adventistas, como ela enganaria os judeus? O que é mais importante para a ICAR, o domingo ou Maria? Decreto dominical? Vai esperando!

A grande sacada da ICAR

Maria, como tomamos conhecimento no ano passado, também é adorada pelo Islã,  veja aqui. Em uma aparição Mariana ela pediria a consagração (retorno das missas) aos sábados num ato ecumênico mundial, que consolidaria de forma absoluta o retorno obrigatório da guarda do sábado em todo o Israel.

É muito improvável, mas não impossível, que a ICAR fique de fora do reinado do anticristo, e com certeza a "Santa Maria" terá um papel muito importante no ecumenismo ligando católicos, muçulmanos e ex-evangélicos, este último grupo retornarão ao catolicismo por causa dos sinais marianos. Já para os judeus o ecumenismo viria por conta da guarda do sábado.

O que eu estou querendo mostrar com essa especulação mediante assas informações é que: Quando interessa a determinados grupos, certas informações não são reveladas para se sustentarem suas interpretações (teorias).

É fato que Satanás está tramando algo grande que favorecerá a aparição pública do seu anticristo, provavelmente a tão falada operação do erro. A nós cabe vigiar, orar e nos santificar como bem orientou nosso Senhor Jesus.

Deus te abençoe!

André M. dos Santos

POSTAGENS MAIS ACESSADAS

Drive LifeCam VX-1000 para Windows 10 - 32 e 64 bits

Instalando Racalbox e o Kodi no Raspberry Pi 3 - Parte 1